Foto da mulher de Sérgio Cabral com roupas de presidiária circula na web.

STF mantém Renan Calheiros na presidência do Senado.

sábado, 19 de setembro de 2015

Polícia investiga se garoto foi vendido por R$5 mil.


Santa Catarina. Duas pessoas suspeitas de terem permanecido com um menino de 8 anos por cerca de um mês em Balneário Piçarras, no Litoral Norte catarinense, confirmaram que vão se apresentar voluntariamente às Polícia Civil nos próximos dias, informou o delegado Wilson Masson nesta sexta-feira (18). A polícia apura a veracidade de uma carta com a informação de que o menino teria sido "comprado" por R$ 5 mil por alguém que queria protegê-lo da própria família, como informou o portal de notícias da Globo (G1).

De acordo com a reportagem, a criança, que sumiu no dia 14 de agosto na porta de uma escola e foi deixa às margens da BR-101 na quarta-feira (16), revelou com quem esteve nas últimas semanas. 

"São duas pessoas ligadas à tia-avó da criança, que era guardiã dela. O menino desapareceu uma semana após a tia-avó receber a guarda definitiva. Por isso trabalhamos com a possibilidade de que houve algum trato, algum tipo de ajuste prévio", disse o delegado Wilson Masson.


Carta cita valor de R$ 5 mil

Quando o menino foi encontrado, na noite de quarta (16), ele estava com um bilhete escrito a mão: "Chama a polícia". A Polícia divulgou nesta sexta-feira que também havia uma carta, onde estava escrito que o menino foi negociado por R$ 5 mil. 

No documento, estava escrito que a pessoa teria levado a criança para "salvá-la" do meio onde ela vivia. De acordo com o delegado, a veracidade do documento ainda será analisada, mas há fortes indícios que houve a negociação. 

"Há a possibilidade de que a pessoa que estava com a criança ter se assustado com a proporção que o caso tomou, por isso devolveu o menino", disse Masson. Na carta, a tia-avó é mencionada como a pessoa que teria vendido a criança.  Leia a reportagem na íntegra no portal de notícias da Globo.


Fonte: G1

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Ajude a manter o Momento Verdadeiro.

Recomendados para você.