Deu ruim! Rayanne Morais e Douglas Sampaio foram parar na DP.

Gilmar Mendes defende atualização da Lei de Abuso de Autoridade.

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Nutrindo corre risco de fechar as portas em Campos, no RJ.


Campos dos Goytacazes - A Nutrindo, empresa que prestava serviço de home care à Prefeitura Municipal de Campos, corre risco de fechar as portas. Segundo a diretora da empresa, Sara Cruz, a Prefeitura teria uma dívida de cerca de R$ 7 milhões com a empresa. 
Segundo a médica Sara Cruz, os técnicos em enfermagem da Nutrindo estariam passando por situação complicada. Numa entrevista coletiva, a diretora da Nutrindo falou sobre as próximas medidas a serem tomadas. “O primeiro passo é a gente fazer essa rescisão com nossos técnicos. Apesar de o decreto dizer que não somos responsáveis pelo home care, ainda temos responsabilidade indireta, sobre os técnicos, porque ainda há o vínculo trabalhista”, afirmou, dizendo, ainda, que “a orientação aos técnicos é de questionarem o enfermeiro, que não é mais o da empresa, quanto aos procedimentos. Isso porque, na verdade, eles respondem juridicamente pelo que estão fazendo”.


OUTRO LADO

De acordo com a assessoria da secretaria de Saúde, as notas e valores apresentados pela Nutrindo estão sendo auditados. Novo pagamento está em processamento. A nota diz ainda que médicos e profissionais de enfermagem da secretaria fizeram contato com os familiares dos pacientes, tomando ciência do quadro clínico de cada um, pois a empresa não teria enviado os prontuários dos mesmos.

O secretário de Saúde, Gerado Venâncio, afirmou que os profissionais estão devidamente capacitados para atuar em assistência de home care. Com informações da Folha da Manhã .

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Recomendados para você.