Maternidade investiga 'tampão' dentro de mulher após parto.

Nasa anuncia descoberta de novo sistema solar com sete planetas.

Facebook do Momento Verdadeiro

domingo, 27 de dezembro de 2015

Sensação térmica supera 44 graus no Rio.


Rio de Janeiro » O calor intenso registrado com a chegada do verão fez as praias mais famosas da cidade ficarem lotadas hoje (27). No primeiro domingo do verão e último de 2015, termômetros de rua na cidade chegaram a registrar mais de 30 graus ainda pela manhã e, por volta de meio-dia, em alguns pontos da cidade, a temperatura chegou perto dos 40 graus.

Segundo o Alerta Rio, serviço de meteorologia da prefeitura, a temperatura máxima na cidade foi registrada em Guaratiba, com 40 graus Celsius às 13h15. Entretanto, a maior sensação térmica foi verificada em outro bairro, na região da Barra da Tijuca e do Riocentro, com 44,4 graus.

Apesar da movimentação intensa ao longo do dia na Ponte Rio-Niterói, com a saída principalmente em direção à Região dos Lagos, as praias de Copacabana, Leme, Ipanema e Leblon, na zona sul da cidade, ficaram cheias de banhistas, pessoas que buscam as ciclovias e pistas fechadas para o lazer e os praticantes de stand-up paddle, que já se tornaram parte da paisagem da cidade.

Se já é comum ver cariocas reclamando do calor nas redes sociais, a turista amazonense Luciana Lopes, de 40 anos, acha que está pouco. "Está bem melhor aqui, porque não está tão úmido e está ventilado. Lá no Amazonas é muito úmido", compara ela, que admirava a estátua de Dorival Caymmi e a vista do Posto 6 na Praia de Copacabana.

Em seu primeiro dia no Rio de Janeiro, ela ainda não tinha tido tempo de mergulhar até o início da tarde e conta como se planejou para se proteger do sol e da alta temperatura. "Vim preparada, com bastante água, filtro solar, chapéu e óculos escuros."

O calor era motivo de comemoração para a vendedora de picolé Evanir Scharfmann, de 57 anos. Sob sol forte, ela empurrava o carrinho da loja especializada em sabores do Cerrado, como pequi, jatobá e tamarindo. "Quanto mais quentes os dias, melhor para a gente. Sempre sai, sempre vende. Mas se chove, cai um pouco", explica ela, que já tinha vendido mais de 20 picolés em duas horas. "Estou vendendo bem", disse.

Siga o M.V no Twitter e no Facebook 

A previsão do tempo, no entanto, pode não ser muito animadora para a vendedora de picolés. Segundo o Alerta Rio, a previsão para amanhã é tempo nublado a parcialmente nublado, com pancadas de chuva isoladas à noite. Para quinta-feira, quando a Praia de Copacabana recebe a multidão que assiste todos os anos à virada do ano, a previsão é tempo parcialmente nublado, mas sem chuva.

A chegada do verão e o período de férias também elevam o número de turistas na cidade. Segundo o governo do estado, 27 navios com 150 mil turistas já desembarcaram na cidade até o dia 26 de dezembro. A previsão é que 565 mil pessoas devem chegar ao Rio em navios entre novembro deste ano e abril do ano que vem, um número 15% maior que o de 2014-2015.

Via Agência Brasil.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Recomendados para você.