Flamengo deve ou não renovar com Emerson Sheik?

Thiago Lacerda ganha indenização de R$329.000,00.

quarta-feira, 23 de março de 2016

Jô Soares deve entrevistar pessoas contra e a favor do impeachment.


Televisão - Na próxima segunda-feira, dia 28 de março, vai começar a última temporada do Programa do Jô. O programa deixará a grade da TV Globo de forma definitiva em dezembro deste ano. O apresentador Jô Soares prometeu falar mais sobre política. Ele pretende entrevistar pessoas contra e a favor do impeachment da presidente Dilma."A situação política do país vai pautar entrevistas", adiantou o apresentador. 

O apresentador contou, em entrevista ao jornal O Globo, que quer evitar o desgaste de um formato que ele mesmo ajudou a popularizar no Brasil, o talk-show. "Há dois anos, ao renovar meu contrato, conversei com a emissora e concluímos: 'Vamos ter que marcar uma data para encerrar o programa'. Achamos que dois anos seria o tempo ideal para não correr o perigo do desgaste. Queria sair de forma digna e não de maneira melancólica. Prefiro deixar saudade do que incômodo".

Jô Soares disse: "a situação política do país vai pautar entrevistas. O Brasil passa por uma crise imensa. Nem na época do Collor foi tão grave. Agora quero trazer pessoas contra e a favor do impeachment", explicou o humorista, que já criticou o politicamente correto. À publicação, Jô disse  ainda que a programação não terá grandes alterações. "Vou trazer ainda convidados que fizeram a história do programa. A única reforma por que passamos foi a diminuição de um bloco de entrevistas nos últimos dois anos. São 28 anos no ar. Quando chegarmos ao fim, serão 15 mil entrevistas".

O apresentador também disse que a TV ainda é uma de suas prioridades. "A minha primazia sempre é a TV. E agora estou ocupado e preocupado com o Programa do Jô", afirmou Jô Soares, que admitiu ter uma conta no Facebook.

(Com informações do jornal O Globo e Purepeople).

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.