Deu ruim! Rayanne Morais e Douglas Sampaio foram parar na DP.

Gilmar Mendes defende atualização da Lei de Abuso de Autoridade.

sábado, 16 de abril de 2016

Lula tenta conquistar votos para barrar impeachment.


Foto: José Cruz/Agência Brasil
Lula participou de ato contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff neste sábado, dia 16, no estacionamento do Ginásio Nilson Nelson. Amanhã a Câmara dos Deputados dará inicio a votação. 

O ex-presidente, que foi nomeado Ministro da Casa Civil, mas ainda não assumiu devido uma decisão da Justiça, está engajado na missão de conquistar votos e barrar o processo de impeachment. Para isso, Lula disse que vai recorrer a governadores. 

— Vou conversar com governadores que eu acho que eles podem nos ajudar.

Lula  tenta conquistar metade do total de votos, pois sabe que são necessários 342 votos para a Câmara dos Deputados dar prosseguimento ao processo de impeachment.  

— Precisamos conquistar metade dos 513 votos, ou não deixá-los conquistar 342. É uma guerra de sobe e desce, parece a bolsa de valores, tem hora que o cara está com a gente, tem horas que não está mais.

Em outro post, leia aqui, uma fonte do Planalto disse que Dilma possui 180 votos. Sendo assim, os governistas precisam conquistar mais de 75 votos até amanhã para barrar o processo.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Recomendados para você.