Foto da mulher de Sérgio Cabral com roupas de presidiária circula na web.

STF mantém Renan Calheiros na presidência do Senado.

sábado, 23 de abril de 2016

MST em Nova York.


As redes sociais se tornaram importantes para comunicação, a imprensa reconhece isso e até produz conteúdo com informações oriundas de redes como: Facebook, Twitter, Instagram, WhatsApp, entre outras. Mas quando a notícia divulgada envolve “outros” temos que verificar se é verdadeira ou falsa antes de compartilhar.



Aqui no Momento Verdadeiro temos encontrado várias notícias duvidosas que circulam nas redes sociais. Por exemplo, no Facebook, encontramos a foto de um grupo de pessoas com bandeiras do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e a informação de que este grupo foi aos Estados Unidos para apoiar a presidente Dilma Rousseff. Até aí nada demais, afinal o direito de ir e vir, o direito a liberdade, estão garantidos na Constituição Federal de 1988. 

É fato que o MST está apoiando o Governo, e isso podemos constatar até no site oficial do movimento. Porém não divulgou, até o momento, nada sobre a participação de militantes em protestos no exterior. Então, neste caso, um problema pode aparecer quando certas afirmações ou suposições são levantadas e surgem os rumores. Por exemplo, não havendo provas, não é certo afirmar que pessoas ligadas ao MST teriam recebido dinheiro do Partido dos Trabalhadores (PT) para viajar e apoiar Dilma em Nova York. Isso pode causar desentendimento, o que não deveria ser o propósito de nenhuma notícia. Entendemos que todos tem direito de ser contra e podem questionar, mas também temos que respeitar quem é a favor.

Por Washington Luiz.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Ajude a manter o Momento Verdadeiro.

Recomendados para você.