Morgan Freeman morreu de 'causas naturais'? Não, é boato.

Cliente da NET é assediada por funcionário pelo WhatsApp.

Santos (SP). Um funcionário, que presta serviços para NET, está sendo acusado de assediar uma cliente através do aplicativo WhatsApp. A fotógrafa Juliana Barros relata que o prestador de serviço iniciou o contato com ela para resolver um problema em um aparelho de TV a cabo e, em seguida, começou a mandar mensagens com teor sexual.

De acordo com Juliana, logo após a visita técnica, ela entrou em contato com o funcionário da NET porque não tinha encontrado o equipamento."Mandei mensagem para ele, uma semana após a visita avisando que não consegui encontrar o equipamento. Ele falou que ia me ajudar com um adaptador similar que ele tinha e me chamou de gata. Isso já chamou minha atenção, mas levei adiante. Primeiramente, ele começou falando coisas muito baixas. Em seguida, disse que toda burguesa quer tomar tapa na cara e me chamou de vaca. Essas últimas mensagens foram no dia 22 de julho", explicou a fotógrafa.

Diante da situação, Juliana procurou a polícia e registrou um boletim de ocorrência. De acordo com informações do portal G1, a NET entrou em contato com a vítima e disse que está apurando o caso e vai afastar o funcionário. 

Edição: Washington Luiz.

Comentários

Veja também

Zeca fica com Jeiza e Bibi com Caio.