Policiais civis e legislativos entram em confronto na Câmara dos Deputados.

Um protesto contra a reforma da Previdência terminou em confronto entre policiais civis e policiais legislativos. Os agentes entraram em confronto após policiais civis tentarem invadir o plenário da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (08/02).

Policiais legislativos usaram spray de pimenta para impedir a chegada dos manifestantes ao plenário. Alguns deputados, que se dirigiam ao local de votações, foram atingidos. Diante dos relatos dos deputados, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), criticou a violência do protesto e disse que policial chegou a sacar uma arma para um agente da Câmara que tentava controlar a manifestação.

Segundo informações da Agência Brasil, a comissão especial que vai analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, que trata da reforma da Previdência Social, deve ser instalada nesta quinta-feira (09/02) à tarde. A comissão já está praticamente composta. Dos 37 deputados titulares do colegiado, 24 já foram indicados pelos líderes de suas bancadas. A presidência da comissão especial deverá ficar com o deputado Carlos Marun (PMDB-MS) e a relatoria com o deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA).

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Menina teve reação à tatuagem de henna. Impressionante!