Bebê passa por cirurgia para retirar gêmeo parasita.

Estados Unidos - Bebê passa por procedimento cirúrgico de alto risco para remover gêmeo parasita. A operação foi realizada no hospital infantil Advocate em Park Ridge, no estado de Illinois, no dia 8 de março. 

A cirurgia de Dominique, de 9 meses, foi bem sucedida, de acordo com informações do G1. A bebê nasceu com duas espinhas e quatro pernas. Dominique deveria ter um gêmeo, mas sua irmã se não se desenvolveu completamente e, em vez disso, se fundiu com ela no útero, em um fenômeno raro conhecido como gêmeo parasita. Casos de gêmeos parasitas são bastante raros, segundo especialistas.

De acordo com a publicação, sem a cirurgia para remover o gêmeo parasita, Dominique teria uma vida curta. A operação durou 6 horas, a equipe médica conseguiu remover a totalidade do gêmeo parasita. 

Dominique tem se recuperado bem do procedimento, informou o cirurgião John R. Ruge.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.
Com informações do G1

Comentários

Veja também

Zeca fica com Jeiza e Bibi com Caio.