Temer exclui servidores estaduais da reforma da Previdência.

Política - A reforma da Previdência vai atingir somente os servidores federais e trabalhadores do setor privado, anunciou o presidente Michel Temer. 

Temer disse ainda que a reforma das previdências estaduais vai ficar a cargo dos governos dos estados. Essa foi a primeira foi a primeira concessão do governo em relação a mudanças na reforma da Previdência. O projeto em tramitação na Câmara só exclui militares das Forças Armadas, bombeiros e policiais militares.

O anúncio foi feito nesta terça-feira (21/03) depois de uma reunião no Palácio do Planalto. Na ocasião, Temer estava ao lado de ministros; do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); dos líderes do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), e na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB); e de deputados, entre os quais Carlos Marun (PMDB-MS) e Arthur Maia (PPS), presidente e relator, respectivamente, da Comissão Especial da Reforma da Previdência.

Para o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, a decisão de Michel Temer vai "facilitar muito" a aprovação da reforma da Previdência

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro
Com informações do portal G1.

Comentários

Motorista usa manequim para enganar polícia e acaba no tribunal.