Cassetete de PM quebrou ao atingir rosto de estudante em Goiânia; veja.

É grave o estado de saúde do estudante Mateus Ferreira da Silva, de 33 anos. O jovem foi atingido por um golpe de cassetete na cabeça do rapaz durante uma manifestação contra as reformas trabalhista e previdenciária, em Goiânia. 

Mateus segue internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Ele cursa o terceiro período de ciências sociais na Universidade Federal de Goiás. 

A UFG repudiou a agressão contra o estudante. Orlando Amaral, reitor da universidade, disse ao "G1" que irá cobrar da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária a adequada apuração dos fatos e a punição dos responsáveis.

O portal de notícias da Globo divulgou uma montagem fotográfica que mostra o exato momento em que o estudante Mateus foi agredido por um policial militar. Na sequência de fotos é possível ver que, com a força do golpe, que atingiu o rapaz no rosto, o cassetete manuseado pelo agente quebra.

Mateus Ferreira  sofreu traumatismo cranioencefálico (TCE) e múltiplas fraturas.

Segundo o boletim médico, divulgado neste sábado (29/04), ele segue sedado e intubado na UTI. Não há previsões de cirurgia.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Veja também

Papagaio fez compra na Amazon imitando voz da dona.