Consumo de tilápia pode aumentar risco de câncer. Será?

Dados do Ministério da Agricultura apontam que o consumo de pescado no Brasil é de 14,4 kg por habitante/ano. Esses dados mostram que o brasileiro já superou o recomendado pela Organização Mundial da Saúde, que é 12 kg, por habitante, a cada ano. 

Isso é bom porque o consumo de peixes traz diversos benefícios à saúde. Melhora a memória, preveni doenças cardiovasculares e aumentar as reações anti-inflamatórias do organismo por ser um alimento rico em ômega 3. 

Agora circula pela internet uma informação que tem deixado muita gente preocupada. Segundo um texto divulgado por alguns sites, o consumo de tilápia criada em cativeiro pode aumentar risco de câncer. Será que é verdade? 

Amigo leitor, até hoje, pelo que se sabe, a tilápia é um peixe que oferece uma grande variedade de benefícios para saúde, entre eles, o de prevenir vários tipos de câncer e fortalecer seu sistema imunológico. 

Também não há nenhuma recomendação do Ministério da Saúde contra o consumo de tilápia. Pelo contrário, o Guia Alimentar para a População Brasileira recomenda o consumo de peixe fresco pelo menos duas vezes por semana.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Canal do Washington Luiz - Notícias