Marido cobra mais empenho da polícia e é preso após confessar que matou a esposa.

Sem saber que era suspeito da morte da esposa, marido pede mais empenho da polícia na investigação e acaba preso. Após ser indagado pelo delegado, o homem acabou confessando que esganou a mulher. O fato ocorreu em Goiânia, capital do estado de Goiás.

Luciano de Sousa Silva foi preso na noite desta terça-feira (25/04). A esposa dele, a universitária Letícia Bruna Lopes Santos, de 19 anos, estava desaparecida desde a noite da última segunda-feira (24/04), quando saiu para ir à faculdade, onde cursava pedagogia.

Segundo informações do delegado André Fernandes, o corpo de Letícia Bruna foi localizado em um matagal próximo de onde o casal morava. O marido dela disse a polícia que tinha visto Letícia pela última vez quando ela embarcava em um ônibus. 

O marido, inclusive, chegou a fazer um apelo pedindo ajuda para encontrar a esposa durante uma entrevista concedida  à TV Anhanguera ontem à tarde.  

Porém, a versão contada por Luciano, não era verdadeira, segundo o delegado. "Foi tudo mentira. A gente já tinha elementos demonstrando que era suspeito do crime. Ele foi à delegacia pedir mais empenho na investigação, mas acabou sendo preso e confessando o crime", afirmou ao portal G1.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Veja também

Polícia Federal investiga fraudes em 14 concursos públicos