Vereadora diz que nordestinos "sabem muito bem se unir para roubar".

Olá pessoal. Uma vereadora da cidade Farroupilha, no estado do Rio Grande do Sul, se envolveu numa enorme polêmica após seu discurso na tribuna da Câmara Municipal na sessão do dia 22 de maio.

A vereadora Eleonora Broilo (PMDB) disse que — os nordestinos sabem se unir para roubar, para ganhar propina, para aumentar a corrupção. Ainda de acordo com a vereadora — talvez eles não saibam falar muito bem, mas sabem roubar que é uma maravilha. 

A declaração da vereadora deu o que falar e acabou gerando a abertura de um processo na Comissão de Ética para avaliar a conduta dela. O pedido foi feito por sete vereadores e deferido pelo presidente da Câmara, o vereador Fabiano Piccoli (PT).

Outro Lado


Segundo a vereadora Eleonora Broilo, sua fala foi descontextualizada do objeto de discussão em plenário. 

 — Em relação a nordestino saber fazer política, não sei se eu concordo muito. Eu acho que os nordestinos sabem muito bem se unir, sim, para roubar. Eles sabem se unir para ganhar propina. Eu acho que eles sabem se unir para aumentar a corrupção. Isso eu acho que eles são donos. Isso eu concordo, plenamente, disse a vereadora.

De acordo com o advogado dela, Roger Fisher, a declaração foi dada após o pronunciamento de outro vereador, que apontava "a suposta desunião da bancada gaúcha em Brasília". 

Ele disse ainda que sua cliente teria seguido o debate, argumentando com falas que "foram retiradas de contexto". Ela não se referia à população como um todo, mas à classe política", disse o advogado.

Processo


A Comissão de Ética da Câmara Municipal de Farroupilha terá trinta dias (prorrogáveis por mais trinta) para concluir a investigação, que deve começar em até cinco dias úteis. Se for constatado que houve quebra de decoro parlamentar, a vereadora pode ser punida com advertência, suspensão ou até mesmo cassada.

Washington Luiz,
Repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Naldo Benny pede ajuda para encontrar carro roubado do filho.