Buraco sem fim foi aberto em salão de festa em Israel? Não, é boato.

Terra abriu buraco sem fim numa festa em Israel.
Oi pessoal. Bom dia. Quem utiliza o aplicativo WhatsApp costuma receber vídeos repassados por seus contatos. Isso é legal! E são vários tipos de imagens — algumas engraçadas, outras com mensagens de reflexão e também circula pela rede vídeos de tragédias e muitos boatos e outras coisas ... Essa semana, recebi um vídeo com imagens chocantes de um evento em Israel que terminou em tragédia. 

Tragédia em festa numa danceteria em Israel


O vídeo está sendo repassado com a seguinte informação. "Há poucos dias em Israel, durante uma festa, numa danceteria, a terra se abriu e engoliu boa parte das pessoas. Não acharam mais os corpos. Cercaram toda a área. Nem encontraram um fim para o abismo que está lá aberto" — É realmente impressionante e trágico! Entretanto, será que é verdade que a terra se abriu e o buraco não tem fim? 

Buraco sem fim 

A resposta para está pergunta é Não ⇒ Vamos aos fatos. Sobre a tragédia — realmente ocorreu, mas não recentemente como diz o texto que acompanha o vídeo repassado no WhatsApp. Se você pesquisar na internet, descobrirá que este vídeo circula pela rede desde 2001 e o caso ocorreu em Jerusalém. Logo  — essa história dizendo que o fato ocorreu recentemente  — é FALSA.

Na Wikipédia encontramos mais informações sobre o caso. Segundo a enciclopédia online, o salão de casamento de Versalhes foi o local do desastre civil mais letal da história de Israel. Às 22h43, em 24 de maio de 2001, durante o casamento de Keren e Asaf Dror, uma grande parte do terceiro andar do edifício de quatro andares caiu. Como resultado, 23 pessoas morreram e outras 380 ficaram feridas. O artigo completo pode ser lido aqui (texto em inglês).

Conclusão

A história de que os corpos das pessoas que estavam na festa desapareceram em um buraco sem fim  — é boato.

Comentários

Veja também

Zeca fica com Jeiza e Bibi com Caio.