Conto de fadas, não! Realidade.

Mãe descobre que padrasto abusou da filha dos 8 aos 11 anos.

Assunto: Caso de Polícia.
Mãe descobre abuso ao questionar filha sobre virgindade.
Menina de 12 anos sofreu abusos dos 8 aos 11. 

Criança foi estuprada pelo padrasto dos 8 aos 11 anos

Uma criança de 12 anos sofreu abusos sexuais dos 8 aos 11 anos. O caso ocorreu na cidade de Jundiaí, no estado de São Paulo. Durante este tempo, a menina foi estuprada pelo padrasto. A mãe só tomou conhecimento do caso depois que questionou a filha sobre virgindade. 
Mãe descobre que padrasto abusou da filha dos 8 aos 11 anos.
A mãe da menina contou, em entrevista ao portal "G1", como descobriu a série de abusos sofridos pela filha e cometidos pelo padrasto. Desconfiada da mudança de comportamento ela pensou que a filha estava namorando escondido. Quando a filha contou que era vítima do padrasto, a mãe pensou que fosse mentira, já que a conduta do homem com as crianças era aparentemente normal. 

"Faltas só foram descobertas quando a escola solicitou a presença da mãe". 

O padrasto costumava ficar sozinho com a menina, pois sua esposa trabalhava em um shopping e chegava tarde em casa. Desde então, o comportamento da menina mudou, inclusive, a menina perdeu a vontade de ir à escola. As faltas só foram descobertas quando a escola solicitou a presença da mãe. Diante da confirmação, a mãe se separou do marido e saiu da casa, e foi morar com os outros dois filhos e sua irmã. 

Padrasto teve prisão preventiva decretada

A menina voltou a estudar e vem realizando acompanhamento psicológico. O padrasto se apresentou na delegacia, e com o inquérito aberto a menina realizou o exame de corpo de delito, que confirmou o crime. Por meio das investigações da Delegacia da Mulher de Jundiaí, o homem teve a prisão preventiva decretada na quarta-feira (20), e foi encaminhado ao Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista (SP).

(Com informações do portal G1).

Comentários

Veja também

Preso processa policiais após ter uma ereção de 4 dias.