Pai de aluno que abriu fogo em escola: 'está sem chão', diz assessor da PM.

Pai de aluno que abriu fogo em escola. Em entrevista ao portal de notícias G1, o assessor de imprensa da Polícia Militar, tenente-coronel Marcelo Granja, contou que teve uma conversa com o pai do aluno que abriu fogo no Colégio Goyazes, em Goiânia. O pai do menino é major da corporação. 

O assessor da PM disse que o policial ainda está profundamente abalado com o que aconteceu. A mulher dele, que também é policial, está tendo de tomar remédios após o atentado. O adolescente, de 14 anos, matou dois colegas e deixou outros quatro feridos. 

Ainda de acordo com o assessor, tanto o major quanto a esposa, que também é policial e dona da arma usada pelo adolescente, serão ouvidos pela Corregedoria da PM. A oitiva deve ocorrer na próxima semana, mas ainda não há data definida. Com informações do G1.

Comentários

Canal do Washington Luiz - Notícias