Bebê de 3 meses ficou cego por causa de foto com flash?

Hoje a maioria dos celulares têm câmera e estão conectados a internet, logo é muito comum ver fotos de bebês nas redes sociais, mas uma notícia tem sido motivo de preocupação. Será que o flash da câmera é capaz de cegar um bebê? É verdade que um bebê de 3 meses de idade ficou cego após um amigo da família tirar uma foto sua usando o flash?


Como informou o site 'E-Farsas', a notícia apareceu na internet brasileira no dia 28 de julho de 2015 e afirma que uma criança teria ficado cega depois de um amigo da família ter tirado fotos com a câmera bem próxima do bebê e com o flash ativado! O menino, de apenas 3 meses de idade, teria ficado cego do olho direito e perdido parte da visão do olho esquerdo e os médicos teriam afirmado que a causa da cegueira permanente se deveu à exposição ao flash da câmera.

Imprensa

Diversos sites de notícias publicaram esse triste incidente no dia 28 de julho com base em uma publicação feita no dia anterior no tabloide britânico Daily Mail. No Brasil, o caderno de saúde do Portal iG, por exemplo, sequer cita nomes dos envolvidos, do médico que atendeu a ocorrência ou o país onde o problema teria ocorrido. Os redatores da matéria apenas citam como única fonte o Daily Mail. O tabloide também não dá muitas informações sobre o assunto, limitando-se a dizer que sua fonte seria uma postagem em um blog de notícias chines chamado People’s Daily Online que, por sua vez, diz que a notícia teria sido publicada no Guangming Daily e, igualmente, não dá maiores detalhes sobre o ocorrido

Se não há fonte que comprove essa informação, como poderemos constatar que ela é verdadeira?

Especialistas 

Não há nenhuma comprovação de que o flash faça mal aos olhos do bebê. Em entrevista ao site Bolsa de Mulher, o oftalmologista Bruno Guimarães Novaes, diretor medico do Hospital Oftalmológico Santa Beatriz, explicou que um estímulo intenso de luz como o flash acarreta incômodo visual e esses estímulos, quando repetitivos e próximos aos olhos, podem acarretar transtornos temporários a visão, no entanto – diz o doutor -, não há doença específica ou irreversível provocada pelo flash de luz da câmera.

Nessa reportagem de 2014 da Revista Crescer, Daniella Fairbanks, oftalmologista do Hospital São Luiz Itaim (SP), explica que – do ponto de vista médico e oftalmológico – o flash não traz nenhum dano aos olhos do bebê. Mas a luz forte pode assustar e incomodar o recém-nascido, diz a doutora.

Nessa outra matéria do site Gestação Bebê, especialistas explicam que o excesso de fotos com flash (tiradas repetidamente) podem causar danos à visão dos pequenos, mas isso só pode ocorrer se houver excessos (e não com apenas uma foto como teria acontecido com chinês da notícia)!

Tirar fotos com flash pode ajudar a detectar o retinobastoma, um tipo de câncer ocular que costuma afetar crianças ainda nos primeiros anos de vida.

Nos Estados Unidos, os oftalmologistas até incentivam os pais a fotografar seus filhos pequenos com o flash ligado!

Fonte: e-farsas.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crivella disse que negro só gosta de: "cachaça, prostituição e macumba"?

Bolsonaro tem melhor avaliação desde o começo do mandato | Podcast.

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?