Pular para o conteúdo principal

Desafio do desodorante, da camisinha, da cola; põem vida de crianças em risco.

É inegável que o uso da internet é essencial para o aprendizado. Ela permite uma difusão rápida do conhecimento. Pode-se mencionar, por exemplo, instituições que oferecem o ensino à distância. A grande rede de computadores é uma fonte de informação de alcance mundial. Isso sem contar que ela também oferece entretenimento. Por outro lado, na internet há diversos conteúdos que podem causar transtornos e perdas irreparáveis.

Dado o exposto, observamos que as crianças estão muito vulneráveis, uma vez que, são facilmente influenciadas. Por exemplo, recentemente, fomos surpreendidos com a notícia do falecimento de uma criança de 7 anos vítima de uma "brincadeira", conhecida como "desafio do desodorante". Influenciada por um vídeo que assistiu em um site, a menina inalou desodorante e sofreu uma parada cardiorrespiratória. 

Propostas descabíveis como esta, que também são conhecidas como "desafios", estão se proliferando na internet. Uma reportagem da rede britânica "BBC" revelou que há ainda o "jogo da asfixia" ou "do desmaio", em que compete-se para ver quem prende a respiração por mais tempo, além de desafios de inserir camisinhas nas narinas para tirar pela boca, de comer canela em pó em grandes quantidades e pura, de passar cola nas narinas e na boca. Fora as competições que induzem jovens e crianças a tomar grandes quantidades de bebidas alcóolicas. Práticas que trazem gravíssimos riscos à saúde. 

O diretor do Centro de Assistência Toxicológica do Instituto da Criança da Faculdade de Medicina da USP,  Anthony Wong, orienta que em situações como essas, é preciso correr para o pronto-socorro, porque a criança precisará de inalação ou entubação urgente. Ainda convém lembrar que tendo havido a ingestão de produtos tóxicos ou alcoólicos, a orientação é nunca provocar o vômito, nem oferecer nada às crianças sem antes buscar ajuda especializada. Essa ajuda pode ser dada pelos bombeiros (telefone 193) ou por centros de assistência toxicológica, como o Ceatox da Faculdade de Medicina da USP (0800-148110), que atende ligações do Brasil inteiro nas 24 horas do dia.

Levando-se em consideração esses aspectos, e sabendo que há uma enorme dificuldade em impedir o acesso a este tipo de conteúdo, pais e responsáveis devem acompanhar a vida online das crianças assim como ocorre com a vida offline. Também é importante denunciar vídeos com conteúdo perigoso. É imprescindível que todos se conscientizem.

Por: Washington Luiz.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?

O mundo tem sofrido muitas mudanças. Por conta destas mudanças, muitos acreditam que a segunda vinda de Jesus Cristo está bem próxima. Será que já estamos vivendo o Apocalipse bíblico? Bom! De tudo que já ouvi até hoje, apenas uma coisa é certa. A morte chegará em algum momento para cada um de nós, e não poderemos fazer nada. Ela poderia ser o fim, mas para quem crê, a morte é um novo começo ao lado de Deus.

Fim do mistério! Vídeo Som de trombetas vindo do céu em Jerusalém.

Recentemente fiz um post, que você pode ler na íntegra neste (link) comentando uma notícia falsa de que a Nasa tinha confirmado uma catástrofe no Brasil. Agora vou falar sobre um vídeo, intitulado: "Som de trombetas no céu de Israel", que foi publicado no Youtube no inicio do mês de outubro e já tem mais de 150 mil visualizações.

Lei sobre ‘chip da besta’ desrespeita à Constituição, diz PGL.

Cientista choca ateus ao confirmar que a oração tem o poder de curar doenças?

Papa Francisco vai visitar Congregação…

Você está no Cadastro Único do Governo Federal.

Os últimos dias têm sido difíceis para milhões de brasileiros devido a pandemia de coronavírus, que assola o mundo. Vivemos momentos de incerteza e diferente daqueles que tem condições de receber um tratamento adequado em caso de contaminação e até uma possível complicação do quadro desencadeado pela Covid-19, que pode ser fatal, sabemos que o sistema de saúde pública não terá condições de suportar uma demanda alta. E é por isso que somos obrigados a ficar em casa de quarentena.  Mas, além da Covid-19, temos outro problema. Como se manter durante a quarentena? Então! Eis que uma pequena luz se acende. Só que, ao que parece, esse auxílio ainda não chegou a milhões de famílias. Pais de família e donas de casa, trabalhadores informais e desempregados que todos os dias acessam o sistema e se deparam com uma mensagem que avisando: Você está no Cadastro Único do Governo Federal.As condições para recebimento do Auxílio Emergencial serão avaliados com os seus dados do Cadastro Único. Lembram…

Casal da Cedae chega de Kombi pede amostra de água e assalta residência [é boato].

Assunto: Boatos que circulam pela internet Homem e mulher disfarçados com uniforme da Cedae realizam assaltos à residências. Casal usando uniforme da Cedae assaltam residências. Olá pessoal. Está circulando pelo Facebook e também pelo WhatsApp um texto alertando que um casal usando o uniforme da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (CEDAE) estaria realizando assaltos à residências. 
Segundo o texto, eles chegam de Kombi e dizem que vão fazer coleta de água para análise."Se chegar uma kombi na porta da sua casa com um homem e uma mulher com uma pasta dizendo que é da cedae que veio tirar amostra da água, não atenda que é assalto são bandidos espalhe pra todo mundo da vizinhança". É fato que, recentemente, foi constatado pelas autoridades que ocorreu um aumento deste crime. Por exemplo, em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, o roubo à residência aumentou 97,36% do primeiro semestre do ano passado para este. De janeiro a julho de 2017, foram registrados 75 casos. …