Flamengo deve ou não renovar com Emerson Sheik?

Thiago Lacerda ganha indenização de R$329.000,00.

domingo, 25 de setembro de 2016

Homem, apontado como foragido por estupro no Facebook, foi vítima de boato.


Rede social é um ambiente virtual onde acontece de tudo. Muitas pessoas ainda não tem noção da dimensão do alcance de uma simples postagem. E o que antes corria de boca em boca, agora é compartilhado com milhares de pessoas com apenas um clique. A seguir vamos contar o que aconteceu com o eletrotécnico Rosivaldo dos Santos, de 46 anos. Uma foto dele compartilhada nas redes sociais acabou virando caso de polícia esta semana no estado do Amapá. 

De acordo com a Polícia Civil, Rosivaldo foi vítima de um boato que o apontou como foragido da Justiça pelo crime de estupro. Na última quarta-feira (21/09), a polícia se mobilizou para capturá-lo em Oiapoque, a 590 quilômetros de Macapá. Porém, de acordo com informações do portal G1, a mentira sobre a postagem no Facebook só foi descoberta após a polícia abordá-lo em Oiapoque, sendo constatada a inexistência de mandado de prisão. Segundo o delegado Charles Corrêa, uma pessoa teria visto o homem em Oiapoque e indicou o local onde ele estaria. Ele foi abordado em via pública.

PM desmente boato sobre sequestro de adolescente na saída da escola.

Resumindo. O caso chegou à polícia através de uma pessoa que viu a publicação nas redes sociais. Na postagem no Facebook, feita por uma jovem, são mostradas duas fotos do eletrotécnico, o nome completo dele e o bairro onde mora em Macapá. A publicação, de 9 de setembro, tem mais de 130 compartilhamentos. Agora, segundo a Polícia Civil, quem publicou o boato pode ser indiciado por calúnia e difamação.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.