Entidades do ensino superior privado pedem cancelamento do Enade



Depois da polêmica onde foi encontrada pela PRF as provas e gabaritos do ENADE sem o devido lacre, as instituições privadas pediram cancelamento da mesma. Por outro lado o MEC não vê necessidade de cancelar a prova porque não houve vazamento do conteúdo. Apesar do pedido das entidades, a prova está mantida para 8 de novembro.

Representantes do Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular encaminharam quinta-feira um requerimento ao presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Reynaldo Fernandes, solicitando o imediato cancelamento das provas do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), previstas para o dia 8 de novembro.

O documento foi entregue na sede no Inep, em Brasília. O motivo do pedido foi a desconfiança causada pela descoberta de caixas com provas do Exame, sem lacre de segurança, durante uma blitz policial no Rio de Janeiro, na última terça-feira. Segundo os representantes, o ocorrido "coloca sob suspeita o sigilo da prova" e "representa um risco para os alunos das instituições de ensino, considerando que estas serão avaliadas com base neste processo potencialmente viciado."

Assinam o requerimento Abib Cury, presidente da Associação Nacional das Universidades Particulares (Anup); Paulo Cardim, presidente da Associação Nacional dos Centros Universitários (Anaceu); Gabriel Mário Rodrigues, presidente da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (Abmes); José Diniz, presidente da Associação Brasileira das Mantenedoras das Faculdades Isoladas e Integradas (Abrafi) e Hermes Figueiredo, presidente do Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo (Semesp). Fonte:euestudante

Comentários

Ajude o Momento Verdadeiro.

Faça uma doação

Banco Santander

Agência: 1471

Conta Corrente: 01.032460.5

Washington Luiz Teixeira

Postagens mais visitadas