Fachin marca julgamento de recurso que pode soltar Lula.

Ir ao restaurante requer cuidado, pois um almoço pode lhe custar R$400.

Campos dos Goytacazes – Que nossa cidade não tenha muita opção no que diz respeito a restaurantes, infelizmente, é a pura verdade. Aqui nós pagamos muito caro por um cardápio fraquíssimo, as comidas deixam a desejar no que diz respeito ao sabor, mas isso não é novidade, afinal, daria para contar nos dedos onde poderíamos comer bem nessa planície. Agora pense em adicionar nessa lista um péssimo atendimento.

Resolvi convidar minha esposa para almoçar fora, provar um temperinho diferente, e claro, fazer uma média com a patroa.

Chegamos no que pensei que fosse um bom restaurante, na área central, com ar condicionado, seria um ambiente propício para uma boa degustação. Só que como falei acima seria, pois passou longe de ser. Meio dia geralmente é o horário que a maioria almoça nesse país, me corrijam se estiver errado. Mas para minha surpresa parece que em Campos é diferente, pois embora o estabelecimento estivesse aberto havia uma funcionária limpando as portas com um produto que exalava um cheiro fortíssimo no restaurante.
Momento Verdadeiro - Funcionária usando produto quimico com cheiro fortissimo na hora do almoço em Campos.
Sentamos e demorou cerca de vinte minutos para o garçom trazer o cardápio, depois mais vinte e cinco minutos para chegar à comida, detalhe primeiro veio à carne e depois de dez minutinhos chegou o acompanhamento.

Resumo: Já estava chateado demais, comemos assim mesmo. Pedi a conta, esperei mais de quinze minutos e nada, tive que me dirigir ao caixa e pagar logo, pois a comanda trazia um aviso. Para não dizer ameaça – “Evite transtorno, a não entrega será cobrado R$400,00 por comanda...”, somente depois do aviso pode ser lida em negrito a pequena frase - BOM APETITE!

Momento Verdadeiro - Vale o que está escrito, restaurante basicamente só falta ameaçar aos clientes.
Ufa! Conclusão: mesmo com a carne mais cara é melhor mesmo comprar um bom contrafilé, batatas para fritar, aquele refrigerante preto bem geladinho e borbulhante para acompanhar, um pote de sorvete do bom para sobremesa, e comer em casa. Ah! Só um detalhe você gasta menos e ainda acaba saindo no lucro.

Por: Washington Luiz

Comentários