Conselho Mometário Nacional aprova nova medida para aumentar segurança de quem usa cheques.

Reprodução
O Conselho Monetário Nacional aprovou nesta quinta-feira (28) uma medida que determina que os cheques passarão a vir com a data de confecção impressa nas folhas.

A medida visa aumentar a segurança, a transparência e a credibilidade nas operações. Até agora, apenas a data em que o correntista passava a ser cliente da instituição vinha impressa nos cheques.

Segundo o Banco Central (BC), em função dos ajustes necessários nos sistemas das instituições financeiras, foi estabelecido o prazo de seis meses para a impressão da data de confecção na folha de cheque e de 12 meses para as alterações nos contratos com os correntistas e divulgação das novas alterações.

Neste momento, o chefe do Departamento de Normas do BC, Sérgio Odilon dos Anjos, detalha a medida e anuncia ações complementares. As informações são da Agência Brasil.

Momento Verdadeiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.