Explosão de bombas tumultuou a rotina de duas escolas de Campos dos Goytacazes.

Reprodução
Os alunos do Colégio Estadual Thiers Cardoso e da Escola Municipal Maria Lúcia, em Campos dos Goytacazes, viveram momentos de pânico nesta quinta-feira (28). Explosões de bombas no interior das escolas deixaram os alunos assustados.

No Thiers Cardoso uma aluna de 17 anos que está no quinto mês de gestação foi socorrida após ter passado muito mal. Já na Escola Municipal Maria Lúcia a explosão da bomba (cabeção de negro) ocorreu no banheiro e houve tumulto, mas não há registro de feridos ou danos na escola. Os funcionários pediram reforço na segurança. A Polícia Militar e a Guarda Civil foram acionadas e intensificarão as rondas nas proximidades dessas instituições.

Está prevista para hoje (29) uma reunião na Secretaria Municipal de Educação para definir medidas que visam acompanhar o comportamento dos alunos e melhorem a segurança nas escolas.

Explosões de bombas na rede particular.

No ano passado ocorreu um episódio desses na tradicional Escola Batista Fluminense, no centro de Campos. Na ocasião um aluno de 18 anos explodiu uma bomba dentro da sala de aula. Ninguém se feriu a polícia foi acionada e o aluno teve a matrícula trancada a pedido dos responsáveis. Ainda segundo a direção da escola em outra ocasião já tinha acontecido outro caso, conforme explica o diretor no vídeo abaixo.




Jovens usam a internet para aprender a fazer ou manusear bombas.

Reprodução: Na internet encontramos com facilidade pessoas ensinando a fazer bombas 

Na internet é comum encontrar páginas de pessoas ensinando como fazer bombas.  Numa delas o internauta chega ao ponto de dizer que tem que ter pessoas ao redor (senão não teria muita graça à brincadeira). 1º passo: ache o objeto que vai pelos ares - 2º passo: coloque a bomba nele - 3º passo: acenda a bomba - 4º passo: CORRAAAAA...  

Momento Verdadeiro.

Comentários

  1. Isto é Sensacionalismo! Pois quando era criança muitas vezes presenciei alunos fazendo este tipo de brincadeira. Mais o que difere de antigamente, é que os pais castigavam os filhos por realizarem estas peripécias, o que hoje em dia não ocorre.
    Agradeço a Deus pelas palmadas que meu pai me deu o que me educou e me fez tornar um homem Correto

    ResponderExcluir
  2. Respeitamos sua opinião, seu comentário é sempre bem vindo e até queria mesmo ter essa visão, mas infelizmente os tempos são diferentes.

    As crianças de hoje tem acesso informações que não tínhamos no passado, o que a meu ver modifica as inocentes brincadeiras. Esses dias um menino de 11 anos matou um idoso.Isso mostra o que? O que realmente mudou? O que podemos esperar se os mestres educadores trabalham com medo, sob ameaça.

    Então meu caro, não se trata de sensacionalismo, mas de reconhecer que precisamos acordar para uma realidade.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.