"Gianecchini primeira alta médica desde o início do tratamento contra um câncer raro."


Reprodução/web
Momento Verdadeiro - Como era de se esperar dezenas de jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas estavam de plantão, na tarde desta sexta-feira (26), na entrada do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Todos aguardavam ansiosamente para ver ator Reynaldo Gianecchini, 38 anos, depois da primeira alta médica desde o início do tratamento contra um câncer raro (linfoma não-Hodgkin de células T).

Reynaldo Gianecchini deixou o hospital pela porta da frente e foi aplaudido pelos fãs que estavam no local.

Na saída o ator falou em descansar, mas agradeceu o carinho da imprensa. “Estou com o coração cheio de felicidade  Agora eu vou precisar de uns momentos mais quetinhos mais tranquilos, vou precisar de um pouco de silêncio. Eu não estou me afastando de ninguém, mas eu conto com o carinho de vocês da imprensa também, para eu poder ficar agora no meu tratamentinho.

Dados da revista Quem sobre a doença que Gianecchini desenvolveu, ela geralmente diagnosticada em idosos, o fato de o paciente ser jovem pode ser uma vantagem no caso do linfoma não-Hodgkin, devido à possibilidade de se estabelecer um tratamento bem mais intenso. Os resultados positivos após a químio podem chegar a 60%, com remissões prolongadas.

Por: Washington Luiz

Comentários

Eu apoio Notícias do Momento

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.