Ameaçado de morte deputado Marcelo Freixo vai morar no exterior.

(reprodução)
Momento Verdadeiro – Ameaçado de morte pela Milícia o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) é obrigado a deixar o país. O anuncio foi feito pelo próprio parlamentar na manhã desta segunda-feira (31).


Freixo presidiu a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Milícias, da Assembleia Legislativa do Rio, que investigou a atuação de grupos criminosos integrados por políticos, policiais e ex-policiais em comunidades do estado.
O deputado resolveu aceitar um convite da organização não governamental Anistia Internacional para morar na Europa por algum tempo. O parlamentar já vem sofrendo ameaças de morte desde a época da CPI, em 2008, mas, nos últimos meses, elas se intensificaram. Apenas no último mês, segundo Freixo, ele recebeu sete ameaças de morte.
“As ameaças estão se tornando mais fortes e há um retorno muito pequeno da Secretaria de Segurança. Ou seja, se estão ou não investigando. Tenho uma segurança, mas tem sido necessária a ampliação dela. Então, estou esperando algumas medidas”, disse.
O deputado não informou quanto tempo ficará na Europa, mas garantiu retorno ao Brasil.
Momento Verdadeiro/com informações da Agência Rio de Notícias.

Comentários

Postagens mais visitadas