Polícia já trabalha com a hipótese de que “Adriano não atirou em Adriene”.

(Reprodução/Net)
A polícia já trabalha com a hipótese do jogador Adriano não ser o autor do disparo que atingiu a estudante Adriene Cyrilo, 20 anos. Para o delegado responsável pelo caso, Carlos César Santos, muitas contradições marcaram os depoimentos, mas no momento a inocência de Adriano é a hipótese mais aceita.

Um laudo preliminar aponta que o tiro que atingiu a passageira teria partido do banco de trás do veículo, enquanto o jogador estaria na parte da frente, segundo as testemunhas ouvidas no caso.

Adriene foi operada nesta terça-feira (27) no hospital Barra D'or para reconstruir o osso do dedo indicador da mão esquerda. A cirurgia já terminou, mas ela ainda não tem previsão de alta. Segundo a assessoria de imprensa do hospital, Adriene não autorizou o hospital a divulgar seu boletim médico para a imprensa.  

Momento Verdadeiro/com informações da TV Band. 

Comentários

Postagens mais visitadas