MMX, de Eike Batista, tem prejuízo de R$55,2 milhões no 1º trimestre.


(Eike Batista| Foto Reprodução de Internet)
Empresa de Eike Batista tem prejuízo de 55,2 milhões de reais no primeiro trimestre. No passado a MMX, empresa de mineração do Grupo EBX,  teve um lucro de 49,3 milhões de reais. A informação é da agência "Reuters Brasil"

Segundo a publicação, as vendas de minério de ferro no trimestre recuaram para 1,36 milhão de toneladas, queda de 2 por cento ante igual período do ano passado e de 28 por cento ante o trimestre anterior."O menor volume vendido, em comparação com trimestres anteriores, ocorreu devido ao redirecionamento de parte da produção para o mercado externo, além da menor retirada de minério de ferro por parte de clientes locais que enfrentaram problemas operacionais", informou.

A produção de minério de ferro da MMX durante o primeiro trimestre foi de 1,5 milhão de toneladas, indicando queda de 7 por cento frente ao quatro trimestre e de 1 por cento em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior.

No comunicado, o diretor-presidente e de relações com investidores da MMX, Carlos Gonzalez, disse que a companhia está reestruturando planos para melhorar suas operações. "Estamos focados na busca de uma maior eficiência operacional, preservação de liquidez e maximização de valor para nossos acionistas, confiantes de que garantiremos importante posicionamento da MMX no mercado transoceânico de minério de ferro", informou em comunicado.

A companhia informou que os investimentos da MMX neste trimestre foram focados na obras de expansão na Unidade Serra Azul e o prosseguimento na implantação do Superporto Sudeste, que a companhia estima colocar em operação até o final de 2013.

No trimestre, os investimentos da MMX somaram 660,2 milhões de reais, sendo 135,8 milhões de reais no Superporto Sudeste e 524,4 milhões de reais na Unidade de Serra Azul.

(Fonte: Reuters Brasil | Juliana Schincariol no Rio de Janeiro e Fabíola Gomes em São Paulo)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.