Inscrições para o Encceja terminam amanhã

Imagem
Termina amanhã (22) o prazo para a inscrição no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2020. A aplicação das provas para o ensino fundamental e médio será no dia 25 de abril deste ano e ocorrerá em todos os estados e no Distrito Federal. A inscrição pode ser  feita pelo site. O exame serve para conceder o diploma de conclusão do ensino fundamental ou médio para os jovens e adultos que não conseguiram obter na idade adequada. "A participação no Encceja Nacional 2020 é voluntária, gratuita e destinada a jovens e adultos que não concluíram os estudos na idade apropriada para cada etapa de ensino, desde que tenham, no mínimo, 15 anos completos para o ensino fundamental e, no mínimo, 18 anos completos no caso do ensino médio, na data do exame", informou hoje (21) o Ministério da Educação. O exame é constituído de quatro provas objetivas, de acordo com o nível de ensino, contendo cada uma 30 questões de múltipla escolha nas áreas de Ciências

Forças Armadas da Ucrânia estão em "alerta máximo" em caso de invasão russa.

Ucrânia - O presidente interino, Oleksandr Turchynov, disse nesta quarta, 30 de abril, que as Forças Armadas "estão em alerta máximo" em caso de uma invasão russa. 

A decisão foi anunciada após uma reunião com autoridades regionais. A Ucrânia está preocupada com a presença de tropas russas perto da fronteira. Segundo a agência "Interfax", o chefe de Estado alertou para o “perigo real” de uma guerra entre a Ucrânia e a Rússia

O presidente da Ucrânia também admitiu que não consegue controlar a situação no leste do país e acusou alguns dos rebeldes de “cooperarem com operações terroristas”, conforme informou o “Russian Today”. Oleksandr Turchynov colocou como prioridade “prevenir o aumento da ameaça terrorista sobre outras regiões do território”. O clima de tensão na Ucrânia aumentou após ter sido registrado ocupações de edifícios governamentais na zona leste do território por parte de forças separatistas pró-russas.   

Acompanhe nossas atualizações pelo Facebook  e  Twitter

Nesta terça-feira, 29, a União Europeia publicou a lista com os nomes dos 15 cidadãos sancionados devido à situação na Ucrânia. Na segunda-feira, 28, foi a vez de os Estados Unidos alargarem as penalizações junto de 7 personalidades do Kremlin e 17 empresas, de acordo com informações divulgadas pelo site jornaldenegocios.pt.

Momento Verdadeiro | Com Agências Internacionais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crivella disse que negro só gosta de: "cachaça, prostituição e macumba"?

Bolsonaro tem melhor avaliação desde o começo do mandato | Podcast.

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?