Bebê morre ao ser arremessado de carro em colisão na BR-101.

Campos dos Goytacazes. A bebê de apenas oito meses, identificada como Manuela da Costa Regiane, morreu em um acidente que envolveu um carro de passeio em uma carreta neste domingo (27) na BR-101. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a mulher de 30 anos amamentava a filha no momento do acidente. Elas foram arremessadas para fora do veículo, que ficou totalmente destruído, e a mãe ficou gravemente ferida. A cadeirinha infantil que estava no banco traseiro ficou intacta.
Segundo o G1, o pai da criança, de 32 anos, que era o motorista, teve ferimentos leves e o motorista da carreta saiu ileso. De acordo com agentes da PRF, o acidente ocorreu por volta das 15h30, no Km 42, trecho Campos-Vitória, na altura da localidade de Guandu. A carreta havia saído do Rio de Janeiro e seguia para Serra, no Espírito Santo. Já o veículo de modelo Cruze, onde estavam o casal e a bebê, seguia no sentido contrário. A colisão foi frontal e a causa ainda será apurada.
Carro rodou na pista e saiu da rodovia (Fotos: Filipe Lemos/Campos 24 horas)
Com o impacto da batida, o Cruze rodou e parou fora da pista. O corpo da bebê foi arremessado a uma distância de 15 metros. A mãe levou uma forte pancada na cabeça e teve fratura exposta de fêmur. Eles foram socorridos para o Hospital Ferreira Machado (HFM). Segundo a equipe de resgate da Autopista Fluminense, empresa que administra a BR-101, a criança já estava morta quando o socorro chegou ao local.

De acordo com a assessoria de imprensa do HFM, a mãe da criança, identificada como Gisele da Costa Regiane, sofreu traumatismo craniano e seu estado é grave. Já o pai, identificado como Gustavo Hencriques Regiane Alves, foi atendido e liberado. O corpo da criança foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Campos. Com informações do G1.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.