Eu apoio Notícias do Momento

Médica é baleada e morre no Rio de Janeiro.

Mais uma vítima da violência na cidade do Rio de Janeiro. A médica Giselle Palhares Gouvêa, de 34 anos, foi baleada durante tentativa de assalto, na Pavuna, na noite deste sábado.


A médica foi atingida por ao menos um tiro na cabeça e morreu após dar entrada no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias. Giselle foi socorrida por uma ambulância do Corpo de Bombeiros e levada para a unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.

Giselle voltava da inauguração do Centro de Acolhimento ao Deficiente (CAD), em Nova Iguaçu, também na Baixada, quando, no acesso para a Linha Vermelha, no sentido Centro foi abordada pelos criminosos, conforme informou o jornal carioca 'O DIA'.

Ainda de acordo com a publicação, Giselle Palhares Gouvêa era diretora da Clínica da Família de Vila Cava. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.