Pular para o conteúdo principal

Engmax Construtora contratará 150 profissionais para trabalhar na duplicação da BR-406?

Gerar emprego e diminuir o índice de desemprego é um grande desafio para os governantes. O desemprego no Brasil é um grave problema que aumentou nos últimos anos. Para se ter uma ideia da situação, a taxa de desemprego era de 5,30% quando a ex-presidente Dilma Rousseff assumiu seu primeiro mandato, em janeiro de 2011. E quando foi afastada do poder, em maio de 2016, a taxa era de 8,20%. No último trimestre do ano passado, a taxa de desemprego do país estava em 11,9%, atingindo um recorde de 12,1 milhões de pessoas.

Em janeiro deste ano, o presidente Michel Temer disse (em entrevista à Reuters) que a questão do desemprego é a maior preocupação de seu governo. "Nós temos que nos ater muito à questão do desemprego, essa é a principal preocupação, e isto significa o crescimento da economia", disse o presidente. Isso mostra que a situação é extremamente preocupante com o desemprego no Brasil.

Diante deste cenário, compartilhar anúncios de empregos na internet e aplicativos de mensagens como WhatsApp se tornou um meio rápido e de grande alcance para ajudar trabalhadores voltar ao mercado de trabalho e muitas empresas usam as redes sociais para fazer um primeiro contato com o candidato/candidata. Mas, infelizmente, nem tudo que circula pela rede é verdade, ou seja, há falsos anúncios de empregos. É o caso da Engmax Construtora, que segundo uma corrente que circula pelo WhatsApp, pretende contratar 150 profissionais para trabalhar na duplicação da rodovia BR 406.

Caixa Econômica Federal já liberou o saque do FGTS inativo? Não, é boato.

Segundo o texto, que já foi repassado em vários grupos, há vagas para diversos segmentos. O salário básico é de R$ 2.700,00 até R$ 5.500,00, mais tíquete R$ 620,00 e plano de saúde. O texto termina pedindo aos usuários que repassassem a informação. “Talvez você pode não estar precisando, mas pode ter um amigo pai de família desempregado. Divulgue.” Seria bom se fosse verdade, porque essa história de que uma empresa chamada Engmax Construtora está contratando trabalhadores para duplicação da BR 406 é falsa. Você pode obter mais informações no site boatos.org, que ambém publicou uma matéria desmentindo o boato.

Conclusão: Em se tratando de informações que circulam pelo WhatsApp e redes sociais é sempre recomendado verificar antes de repassar. Geralmente anúncios de empregos são divulgados nos sites da empresas ou em seus perfis nas redes sociais. 

A Engemax Arquitetura e Construção, por exemplo, publicou um post no Facebook alertando aos internautas que não está contratando no momento. “Está circulando um anuncio nas redes sociais informando que estaríamos contratando funcionários para a obra da rodovia BR 406. Este anuncio não se refere à nossa empresa e também não temos informações sobre os responsáveis pela suposta obra. No momento não estamos com vagas em aberto. Nosso e-mail para cadastro de currículos é: rh.engemax@gmail.com”.

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?

O mundo tem sofrido muitas mudanças. Por conta destas mudanças, muitos acreditam que a segunda vinda de Jesus Cristo está bem próxima. Será que já estamos vivendo o Apocalipse bíblico? Bom! De tudo que já ouvi até hoje, apenas uma coisa é certa. A morte chegará em algum momento para cada um de nós, e não poderemos fazer nada. Ela poderia ser o fim, mas para quem crê, a morte é um novo começo ao lado de Deus.

Fim do mistério! Vídeo Som de trombetas vindo do céu em Jerusalém.

Recentemente fiz um post, que você pode ler na íntegra neste (link) comentando uma notícia falsa de que a Nasa tinha confirmado uma catástrofe no Brasil. Agora vou falar sobre um vídeo, intitulado: "Som de trombetas no céu de Israel", que foi publicado no Youtube no inicio do mês de outubro e já tem mais de 150 mil visualizações.

Lei sobre ‘chip da besta’ desrespeita à Constituição, diz PGL.

Cientista choca ateus ao confirmar que a oração tem o poder de curar doenças?

Papa Francisco vai visitar Congregação…

Você está no Cadastro Único do Governo Federal.

Os últimos dias têm sido difíceis para milhões de brasileiros devido a pandemia de coronavírus, que assola o mundo. Vivemos momentos de incerteza e diferente daqueles que tem condições de receber um tratamento adequado em caso de contaminação e até uma possível complicação do quadro desencadeado pela Covid-19, que pode ser fatal, sabemos que o sistema de saúde pública não terá condições de suportar uma demanda alta. E é por isso que somos obrigados a ficar em casa de quarentena.  Mas, além da Covid-19, temos outro problema. Como se manter durante a quarentena? Então! Eis que uma pequena luz se acende. Só que, ao que parece, esse auxílio ainda não chegou a milhões de famílias. Pais de família e donas de casa, trabalhadores informais e desempregados que todos os dias acessam o sistema e se deparam com uma mensagem que avisando: Você está no Cadastro Único do Governo Federal.As condições para recebimento do Auxílio Emergencial serão avaliados com os seus dados do Cadastro Único. Lembram…

Casal da Cedae chega de Kombi pede amostra de água e assalta residência [é boato].

Assunto: Boatos que circulam pela internet Homem e mulher disfarçados com uniforme da Cedae realizam assaltos à residências. Casal usando uniforme da Cedae assaltam residências. Olá pessoal. Está circulando pelo Facebook e também pelo WhatsApp um texto alertando que um casal usando o uniforme da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (CEDAE) estaria realizando assaltos à residências. 
Segundo o texto, eles chegam de Kombi e dizem que vão fazer coleta de água para análise."Se chegar uma kombi na porta da sua casa com um homem e uma mulher com uma pasta dizendo que é da cedae que veio tirar amostra da água, não atenda que é assalto são bandidos espalhe pra todo mundo da vizinhança". É fato que, recentemente, foi constatado pelas autoridades que ocorreu um aumento deste crime. Por exemplo, em Niterói, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, o roubo à residência aumentou 97,36% do primeiro semestre do ano passado para este. De janeiro a julho de 2017, foram registrados 75 casos. …