Temer exclui servidores estaduais da reforma da Previdência.

Política - A reforma da Previdência vai atingir somente os servidores federais e trabalhadores do setor privado, anunciou o presidente Michel Temer. 

Temer disse ainda que a reforma das previdências estaduais vai ficar a cargo dos governos dos estados. Essa foi a primeira foi a primeira concessão do governo em relação a mudanças na reforma da Previdência. O projeto em tramitação na Câmara só exclui militares das Forças Armadas, bombeiros e policiais militares.

O anúncio foi feito nesta terça-feira (21/03) depois de uma reunião no Palácio do Planalto. Na ocasião, Temer estava ao lado de ministros; do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ); dos líderes do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), e na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB); e de deputados, entre os quais Carlos Marun (PMDB-MS) e Arthur Maia (PPS), presidente e relator, respectivamente, da Comissão Especial da Reforma da Previdência.

Para o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, a decisão de Michel Temer vai "facilitar muito" a aprovação da reforma da Previdência

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro
Com informações do portal G1.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.