TSE suspende consequências para quem não votou nas eleições de 2020

Imagem
 O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, assinou ontem (21) uma resolução suspendendo as consequências legais para quem não votou nas eleições municipais de 2020 e não justificou ou pagou a multa. Entre suas justificativas, a medida considera “que a persistência e o agravamento da pandemia da Covid-19 no país impõem aos eleitores que não compareceram à votação nas Eleições 2020, sobretudo àqueles em situação de maior vulnerabilidade, obstáculos para realizarem a justificativa eleitoral”. O texto da resolução sobre o assunto considera ainda a “dificuldade de obtenção de documentação comprobatória do impedimento para votar no caso de ausência às urnas por sintomas da covid-19”. A norma não estipula prazo para a suspensão das sanções para quem não votou e não justificou ou pagou multa. A medida ficará vigente ao menos até que o plenário do TSE vote se aprova ou não a resolução assinada por Barroso. Isso não deve acontecer antes de fevereiro, devido ao rece

"Doa-se filhotes de dálmatas" - mensagem falsa voltou a circular pelo WhatsApp.

Voltou a circular pelo WhatsApp um anúncio sobre doação de filhotes de dálmatas. A doação estaria ocorrendo porque a mãe dos filhotes não quer amamentá-los. Apesar de muita gente ter se solidarizado com a causa, essa história não é verdadeira.

"Doa-se filhotes de dálmatas, a mãe não quer alimentar os filhotes, então a doação é imediata...", diz um trecho da mensagem que termina pedindo as pessoas para ajudar repassando para seus contatos e grupos no WhatsApp.

Os criadores de boatos usam uma foto dos filhotes de dálmatas deitados em um cobertor e ainda dizem que alguns filhotes não resistiram e morreram enfatizando que se trata de um caso urgente.Infelizmente está história de doação de filhotes de dálmatas tem sido muito compartilhada e acaba envolvendo outras pessoas. Pois, em cada versão compartilhada acaba sendo divulgado o celular de uma pessoa diferente que nada tem a ver com a história.


A principal mensagem sem um código de área tem como contato "Jana". De acordo com informações do "G1", o pedido falso já se espalhou por vários estados justamente porque o número de contato é sempre alterado. 

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crivella disse que negro só gosta de: "cachaça, prostituição e macumba"?

Bolsonaro tem melhor avaliação desde o começo do mandato | Podcast.

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?