Pular para o conteúdo principal

Ex-proprietário da Gol é condenado a 16 anos de prisão.

O ex-proprietário da Gol Linhas Aéreas Ltda, Nenê Constantino, foi condenado a 16 anos e seis meses de prisão. 

O júri popular concluiu que Nenê encomendou o assassinato do líder comunitário Márcio Leandro Brito em 2001. Na sentença, o juiz João Marcos Guimarães Silva também determinou que Constantino deve pagar uma multa no valor de R$ 84.000,00. 

Márcio Brito integrava um grupo que ocupava a antiga garagem da Viação Pioneira – empresa que já pertenceu a Nenê, de acordo com o inquérito. O ex-dono da Gol e os outros réus foram acusados pelos crimes de homicídio qualificado e oferecimento de vantagem à testemunha.

No julgamento realizado pelo Tribunal do Júri de Taguatinga (DF), além do ex-dono da Gol, também foram considerados culpados o ex-vereador de Amaralina (GO) Vanderlei Batista, que pegou 13 anos de prisão; o dono da arma usada no crime, João Alcides Miranda, com 17 anos e seis meses de prisão; e o ex-empregado de Nenê, João Marques, com 15 anos de prisão. 

De acordo com informações do site "G1", todos podem recorrer em liberdade. O promotor responsável pelo caso, Bernardo Urbano Resende, disse ao portal de notícias da Globo, que Constantino não deve ser levado à prisão em razão da idade avançada. Porém, ele considerou o resultado "plenamente justo".

Washington Luiz, repórter do Momento Verdadeiro
Com informações do portal G1.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bolsonaro tem melhor avaliação desde o começo do mandato | Podcast.

Embora persista com o discurso mais amenizador no tocante a pandemia do novo coronavírus que já matou mais de 100 mil brasileiros,  a aprovação do presidente Jair  Bolsonaro subiu de 32% para 37%; 27% avaliam como "regular"; 34%, como "ruim/péssimo"; e 1%, "não sabe/não respondeu", esse é o resultado de uma pesquisa Datafolha publicada no site do jornal "Folha de S. Paulo". 
Segundo a pesquisa, essa é a melhor avaliação de Bolsonaro desde o começo do mandato. 
Ouça este podcast:

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?

O mundo tem sofrido muitas mudanças. Por conta destas mudanças, muitos acreditam que a segunda vinda de Jesus Cristo está bem próxima. Será que já estamos vivendo o Apocalipse bíblico? Bom! De tudo que já ouvi até hoje, apenas uma coisa é certa. A morte chegará em algum momento para cada um de nós, e não poderemos fazer nada. Ela poderia ser o fim, mas para quem crê, a morte é um novo começo ao lado de Deus.

Fim do mistério! Vídeo Som de trombetas vindo do céu em Jerusalém.

Recentemente fiz um post, que você pode ler na íntegra neste (link) comentando uma notícia falsa de que a Nasa tinha confirmado uma catástrofe no Brasil. Agora vou falar sobre um vídeo, intitulado: "Som de trombetas no céu de Israel", que foi publicado no Youtube no inicio do mês de outubro e já tem mais de 150 mil visualizações.

Lei sobre ‘chip da besta’ desrespeita à Constituição, diz PGL.

Cientista choca ateus ao confirmar que a oração tem o poder de curar doenças?

Papa Francisco vai visitar Congregação…

Você está no Cadastro Único do Governo Federal.

Os últimos dias têm sido difíceis para milhões de brasileiros devido a pandemia de coronavírus, que assola o mundo. Vivemos momentos de incerteza e diferente daqueles que tem condições de receber um tratamento adequado em caso de contaminação e até uma possível complicação do quadro desencadeado pela Covid-19, que pode ser fatal, sabemos que o sistema de saúde pública não terá condições de suportar uma demanda alta. E é por isso que somos obrigados a ficar em casa de quarentena.  Mas, além da Covid-19, temos outro problema. Como se manter durante a quarentena? Então! Eis que uma pequena luz se acende. Só que, ao que parece, esse auxílio ainda não chegou a milhões de famílias. Pais de família e donas de casa, trabalhadores informais e desempregados que todos os dias acessam o sistema e se deparam com uma mensagem que avisando: Você está no Cadastro Único do Governo Federal.As condições para recebimento do Auxílio Emergencial serão avaliados com os seus dados do Cadastro Único. Lembram…