Sobe para três nº de mortes após explosão no navio sonda NS-32.

Sobe para três o número de vítimas da explosão no navio sonda NS-32 (Norbe VIII), que prestava serviço para Odebrecht, na Bacia de Campos dos Goytacazes.  O fato ocorreu na última sexta-feira (09/06).

Internado no Hospital Municipal de Macaé (HPM), Eduardo Aragão de Lima, de 33 anos, morreu durante a madrugada deste domingo. Erickson Nascimento de Freitas, 29 anos, e Jorge Luiz Daminão, de 44 anos, também morreram. Outra vítima, Fernando Garcia, ficou internado do HPM, mas já foi liberado e está em casa.

Sobre o acidente


Durante inspeção anual NR-13 na manhã da última sexta-feira, dia 09 de junho, a caldeira do navio sonda NS-32 (Norbe VIII), afretado pela Odebrecht, foi colocada em operação, e, em seguida ocorreu ruptura do tampo inferior liberando vapor e atingindo quatro trabalhadores. Destes quatro trabalhadores, três não resistiram e acabaram morrendo.

Segundo a Petrobras, não houve incêndio.

No momento da explosão o NS-32 seguia, no Campo de Marlim, em direção ao Porto do Açu, em São João da Barra, no interior do Rio de Janeiro. A causa da ruptura ainda está em investigação.

Washington Luiz,
Repórter do Momento Verdadeiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.