Justiça mantém internado jovem que cometeu atentado no Colégio Goyases.

Olá pessoal. A juíza Ítala Colnaghi, do Juizado da Infância e Juventude de Goiânia, manteve sob regime de internação o menor de 14 anos que, no dia 20 de outubro, atirou contra colegas no Colégio Goyases, localizado no bairro Conjunto Riviera, em Goiânia. Por envolver um menor de idade, o caso corre sob sigilo. 

A decisão foi tomada ontem (28) durante audiência de instrução e julgamento do caso que resultou na morte de dois jovens, além de ferir outros quatro. 

Filho de policiais militares, o jovem terá de cumprir medidas socioeducativas, além de receber acompanhamento psiquiátrico e de ser avaliado periodicamente. As informações são da Agência Brasil.

Ouça a reportagem completa no vídeo abaixo:

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carlos Villagrán, o Kiko, do "Chaves", morreu? Não, é boato.

Justiça Federal suspende benefício de ex-presidente a Lula.

Drauzio Varella: ricos 'não deveriam usar o SUS'.