FAKE NEWS: Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico soltar Lula.

A prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é um assunto que segue repercutindo em vários lugares do mundo. Desde que o juiz federal Sérgio Moro determinou sua prisão e a Polícia Federal cumpriu a decisão, muitos petitas e admiradores de Lula acreditam que trata-se de um caso político, já que ainda não se encerram todos os recursos jurídicos cabíveis. Lula foi condenado em segunda instância, mas ainda pode recorrer ao Superior Tribunal de Justiça e ao Supremo Tribunal Federal. 

Não bastasse o cenário de incertezas. Uma onda de notícias falsas têm se espalhado pelas redes sociais. Recentemente, disseram que a senadora Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico invadir o Brasil e soltar Lula. Os rumores começaram a circular depois que a então presidente do Partido dos Trabalhadores aparece em um vídeo divulgado pela TV Al Jazeera dizendo que a pisão do ex-presidente Lula é injusta. 

Ocorre que no vídeo, em nenhum momento, Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico soltar Lula. A petista fala sobre o que ela considera ser um golpe de Estado. O fato dela ter aparecido em uma rede de televisão defendendo o ex-presidente não é nenhum crime. Cabendo ressaltar que não seria nada inteligente solicitar apoio de um grupo terrorista publicamente. 

Sem mais delongas, essa história dando conta que a senadora Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico invadir o Brasil e soltar Lula é mais um boato maldoso que circula pelas redes sociais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.