FAKE NEWS: Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico soltar Lula.

A prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é um assunto que segue repercutindo em vários lugares do mundo. Desde que o juiz federal Sérgio Moro determinou sua prisão e a Polícia Federal cumpriu a decisão, muitos petitas e admiradores de Lula acreditam que trata-se de um caso político, já que ainda não se encerram todos os recursos jurídicos cabíveis. Lula foi condenado em segunda instância, mas ainda pode recorrer ao Superior Tribunal de Justiça e ao Supremo Tribunal Federal. 

Não bastasse o cenário de incertezas. Uma onda de notícias falsas têm se espalhado pelas redes sociais. Recentemente, disseram que a senadora Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico invadir o Brasil e soltar Lula. Os rumores começaram a circular depois que a então presidente do Partido dos Trabalhadores aparece em um vídeo divulgado pela TV Al Jazeera dizendo que a pisão do ex-presidente Lula é injusta. 

Ocorre que no vídeo, em nenhum momento, Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico soltar Lula. A petista fala sobre o que ela considera ser um golpe de Estado. O fato dela ter aparecido em uma rede de televisão defendendo o ex-presidente não é nenhum crime. Cabendo ressaltar que não seria nada inteligente solicitar apoio de um grupo terrorista publicamente. 

Sem mais delongas, essa história dando conta que a senadora Gleisi Hoffmann pediu para o Estado Islâmico invadir o Brasil e soltar Lula é mais um boato maldoso que circula pelas redes sociais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Justiça Federal suspende benefício de ex-presidente a Lula.

Drauzio Varella: ricos 'não deveriam usar o SUS'.

Antonio Fagundes é vítima de Fake News.