Papa disse em missa que maior crime de Lula foi ele ter lutado contra a fome? Não, é boato.

Dias antes do julgamento do habeas corpus do  Luiz Inácio Lula da Silva no Supremo Tribunal Federal (STF), começou a circular pelas redes sociais uma declaração atribuída ao Papa Francisco, na qual o pontífice defende Lula.

O líder da Igreja Católica teria dito que o único erro do ex-presidente Lula foi "dizer ao pobre que ele tinha direito de comer três vezes ao dia".

Será que o papa fez tal afirmação? Ocorre que, de acordo com informações do portal de notícias 'G1', no último sábado de Páscoa, o papa Francisco realizou uma vigília na Basílica São Pedro, em Roma, e, durante a homilia, não fez qualquer citação ao ex-presidente. Na realidade, o papa apenas levou aos fiéis uma mensagem sobre o significado da ressurreição de Jesus, celebrada naquele dia. A mensagem do pontífice pode ser conferida no site do Vaticano.

continua depois da publicidade

Entretanto, cabe ressaltar que foi próprio ex-presidente que disse muitas vezes que seu "erro" foi lutar contra a fome. "O crime que eu cometi foi dizer ao pobre que ele tinha direito de comer três vezes ao dia", frase postada no perfil de Lula no Twitter

Sendo assim, podemos concluir que fizeram uma montagem usando a imagem do papa Francisco. Até o momento, o pontífice não se pronunciou em defesa de Lula. É mais um boato que circula pelas redes sociais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Boatos de que tigres teriam fugido do zoológico se espalham pela web + NOTÍCIAS.

Presidente do STJ nega 143 pedidos de liberdade a Lula + NOTÍCIAS

Presidente do STJ nega liberdade a Lula + NOTÍCIAS.