Carro que voa será vendido em 2019.

Sabe aquele sonho de poder voar? Ainda está longe de ser realizado, mas você vai poder usar o seu carro para matar essa vontade. A empresa holandesa PAL-V anunciou que o Liberty está em sua última etapa do processo de certificação e a previsão é de chegue ao mercado ainda em 2019.
O Liberty é o primeiro modelo de carro voador, produzido, e foi a grande atração no Salão de Genebra no início desse mês. Mas nem tudo são flores, além do preço de aquisição do veículo, o motorista também deve se preocupar em adquirir uma licença para carros e diroplanos para poder “andar” com o veículo por aí.

Informações sobre o PAL-V Liberty


O PAL-V Liberty pode suportar até duas pessoas e alcançar 180 km/h no ar e 160 km/h na terra, além de contar com 100 cavalos de potência. O veículo leva cerca de 9 segundos para alcançar uma aceleração de 0 a 100 km/h e, embora pese 664 kg, possui autonomia para voar até 500 quilômetros.

A empresa informou que assim que tiver toda a certificação, expectativa essa para 2019, irá entregar as chaves do PAL-V Liberty para os seus primeiros clientes da lista. Mesmo focando no aperfeiçoamento do modelo, essa certificação irá garantir a segurança do veículo, comprovando que ele está pronto para ser conduzido tanto em terra como no ar.


O PAL-V Liberty é um veículo seguro?


O engenheiro-chefe, Mike Stekelenburg, informou que o carro voador cumpriu todos os regulamentos aéreos e terrestres para que o veículo seja o mais seguro. 

Para isso, sua produção contou com tecnologias chanceladas, o que concedeu tempo de submeter o seu protótipo a cada uma das certificações específicas de todos os sistemas inclusos.

O carro voador também não vai decolar em qualquer lugar, pois isso só será possível se não tiver nada ao seu redor, dentro de um raio de 20 metros, aproximadamente. No ar, o veículo contará com a ajuda de outro motor, além do principal.

Por isso que quem desejar pilotar o Liberty deverá ter carteira de motorista e licença para piloto de giroplano. Mas como todos os veículos disponíveis no mercado, ele também poderá causar acidentes, embora não seja projetado para isso.

É importante considerar que, por mais segurança que determinado veículo ofereça, acidentes podem ocorrer. Porém os motoristas podem contar com o seguro de carro para proteger seus veículos, no caso de sinistros.

Até que os veículos voadores estejam disponíveis no mercado, as seguradoras já terão planos que cubram as necessidades tanto dos motoristas como de seus veículos voadores.
E você, está disposto a investir alto na compra do seu carro voador? Não se esqueça de tirar a sua licença para piloto de giroplano.

Por: Andréia Silveira, colaboradora do site SeguroAuto.org.

Comentários

Você pode gostar