TSE suspende consequências para quem não votou nas eleições de 2020

Imagem
 O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, assinou ontem (21) uma resolução suspendendo as consequências legais para quem não votou nas eleições municipais de 2020 e não justificou ou pagou a multa. Entre suas justificativas, a medida considera “que a persistência e o agravamento da pandemia da Covid-19 no país impõem aos eleitores que não compareceram à votação nas Eleições 2020, sobretudo àqueles em situação de maior vulnerabilidade, obstáculos para realizarem a justificativa eleitoral”. O texto da resolução sobre o assunto considera ainda a “dificuldade de obtenção de documentação comprobatória do impedimento para votar no caso de ausência às urnas por sintomas da covid-19”. A norma não estipula prazo para a suspensão das sanções para quem não votou e não justificou ou pagou multa. A medida ficará vigente ao menos até que o plenário do TSE vote se aprova ou não a resolução assinada por Barroso. Isso não deve acontecer antes de fevereiro, devido ao rece

Intervenção federal: 800 agentes atuaram na Operação Cruzada em Campos, RJ.

Intervenção federal chega ao interior do estado do Rio de Janeiro. Aproximadamente 800 agentes de várias forças de segurança se reuniram em uma mega operação contra a criminalidade na cidade de Campos dos Goytacazes nesta quinta-feira. A Operação Cruzada  prendeu 30 pessoas, além de materiais do tráfico de drogas em Guarus. As comunidades abrangidas pela operação são Parque Eldorado I e II, Parque Santa Rosa, Parque Santa Clara e Parque Prazeres. 

O objetivo da ação era cumprir 126 mandados de busca e apreensão. Cerca de 600 pessoas e veículos foram revistados e dez barricadas erguidas por criminosos foram removidas. A operação contou com apoio de veículos blindados e aeronaves. A ação terminou no fim da tarde e entre o material apreendido estão duas granadas, um revólver calibre 38, uma carabina calibre 12, além de grande quantidade de drogas e material para embalar a droga.

Durante a operação, agentes das Forças Armadas, Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros e Ministério Público do Estado do Rio vasculharam casas populares que foram invadidas por traficantes de drogas. A Polícia Civil informou que mais de 100 imóveis invadidos foram retomados durante a operação. Com informações do portal G1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Crivella disse que negro só gosta de: "cachaça, prostituição e macumba"?

Bolsonaro tem melhor avaliação desde o começo do mandato | Podcast.

Vídeo Som de trombetas no céu de Israel é real?