Jovem encontrada morta em matagal no Tocantins pediu ajuda pelo Whatsapp.

É caso de polícia. Uma informação que acaba de chegar é a de que a jovem Patrícia Aline dos Santos usou o aplicativo de mensagens WhatsApp para pedir ajuda para uma amiga. O namorado queria matá-la.

Ontem, o corpo da jovem foi encontrada morta em um matagal perto de um shopping na cidade de Palmas, no estado do Tocantins. O delegado responsável pelo caso, Israel Andrade, disse que o corpo dela tinha marcas de tiros. Testemunhas contaram que a vítima e o namorado estavam juntos há dois meses e tinham um relacionamento conturbado.

Iury Italu Mendanha é o principal suspeito do assassinato de Patrícia. A polícia procura pelo suspeito.

Comentários

Você pode gostar