13,6 toneladas de peixes mortos são retirados da Lagoa Rodrigo de Freitas, no RJ.

Notícias do Momento - Aqui você fica bem informado.

Meio Ambiente. No Rio de Janeiro, a Comlurb retirou, nesta quinta-feira (20), 13,6 toneladas de peixes mortos da Lagoa Rodrigo de Freitas, Zona Sul da cidade. 
13,6 toneladas de peixes mortos são retirados da Lagoa Rodrigo de Freitas
De acordo com o biólogo Mario Moscatelli, as mortes dos peixes podem ter sido causadas por um conjunto de fatores. "A princípio, você tem lançamento de esgoto, tem o canal do Jardim de Alah que está assoreado e não está havendo troca de água. E esse maçarico ligado. Eu já entrei aqui dentro da água e a água parece banho-maria. Não tem oxigênio para os peixes e o bicho está morrendo", explicou o biólogo.

A grande quantidade de peixes mortos boiando chamou a atenção de quem passava pelo local. O trabalho de retirada de peixes mortos da lagoa deve continuar nesta sexta-feira. Com informações do G1.

STF pode decidir sobre liberdade de João de Deus nesta sexta

Obrigado pela audiência

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.