sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Mourão defende 'corredor de escape' para Maduro.

Notícia - O vice-presidente general Hamilton Mourão disse ontem, em entrevista ao programa do jornalista Roberto D'Ávila, na GloboNews, que deve ser criado um "corredor de escape" para o presidente Nicolás Maduro "e seu pessoal" deixarem a Venezuela.

Questionado sobre o risco de uma eventual guerra civil na Venezuela, Mourão disse:  "Eu ainda julgo que a grande missão que os outros países têm é oferecer uma saída para o Maduro e seu pessoal. Tem que ter um corredor de escape", afirmou o vice-presidente.

Mourão lembrou que na Guerra do Paraguai, o marechal brasileiro Caxias deu a possibilidade de escapada para o líder paraguaio, Solano López.

Mourão, nesta semana, é o presidente da República em exercício, com a viagem de Jair Bolsonaro para participar do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. Com informações do portal G1.

Obrigado pela audiência.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.