Mulher agredida por homem que conheceu na internet tem certeza que foi dopada.

O caso de agressão envolvendo a paisagista Elaine, de 55 anos, que teve uma grande repercussão, devido a brutalidade, voltou a ganhar destaque na mídia. A vítima foi espancada pelo estudante de Direito,Vinícius Serra, de 27 anos, por aproximadamente, 4 horas. Elaine e Vinícius se conheceram por meio do Instagram. Eles trocaram mensagens por um período que variou entre seis meses e meio e oito meses. 

Em entrevista recente concedida ao Fantástico, da TV Globo, Elaine disse que tinha certeza absoluta que foi dopada pelo agressor. Essa possibilidade de ter sido dopada se soma ao estranhamento que sentiu diante das atitudes de Vinícius desde antes de entrar no apartamento, quando se identificou com um nome falso. O caso ocorreu no último domingo, dia 17 de fevereiro, em um bairro nobre na cidade do Rio de Janeiro. 

Elaine contou ainda que Vinícius parecia normal, mas depois assumiu um comportamento que começou a deixa-la preocupada.

O que teria motivado a agressão? A vítima acredita na possibilidade de ter sido alvo de uma tentativa de vingança. Isso porque o ocorrido pode ter algum tipo de ligação com o universo marcial do qual o filho faz parte. No entanto, Elaine prefere esperar pela investigação feita pela polícia.

Os médicos disseram que será necessário esperar o rosto desinchar para avaliar se Elaine vai precisar se submeter a alguma cirurgia estética. Está recuperação poderá levar até seis meses. Com informações do Fantástico.

Obrigado pela audiência.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.