segunda-feira, 25 de março de 2019

Michel Temer e Moreira Franco serão soltos.

Por determinação do desembargador federal Antonio Ivan Athié,  Michel Temer deve deixar a prisão a qualquer momento. A Justiça determinou nesta segunda-feira (25) a soltura do ex-presidente, preso na última quinta-feira em São Paulo pela Força-Tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro.

Em sua decisão, apesar de elogios a operação Lava Jato e ao juiz Marcelo Bretas, o desembargador também faz críticas. De acordo com o desembargador do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, ocorreu "caolha interpretação" e a prisão foi embasada em "suposições de fatos antigos, apoiadas em afirmações do órgão acusatório". 

Para defesa do ex-presidente Temer, trata-se de uma decisão que "merece o reconhecimento de todos os que respeitam o ordenamento jurídico e as garantias individuais inscritas na Constituição da República"

Por outro lado, o Ministério Público Federal já informou que vai recorrer da decisão. Para os  procuradores do MPF,  a concessão dos habeas corpus deveria ser julgada pela 1ª Turma do TRF-2.

O ex-presidente Michel Temer é acusado de liderar uma organização criminosa que teria negociado R$ 1,8 bilhão em propina. A liminar também determina a soltura do ex-ministro Moreira Franco, do Coronel Lima e de outros cinco alvos da Operação Descontaminação.

Obrigado pela audiência.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Não divulgamos links.Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do M.V News.