Médica é baleada, perde controle do carro, atropela três pedestres e morre após colidir com poste.

Médica é baleada, perde controle do carro, atropela três pedestres e morre após colidir com poste.
Tentativa de assalto terminou em tragédia na manhã desta sexta-feira (10) no Rio de Janeiro. Uma médica foi baleada, continuou dirigindo e acabou atropelando três pessoas e ainda colidiu com um poste. O fato ocorreu no bairro Maracanã, Zona Norte da cidade. 

Segundo informações, a médica, de 55 anos, identificada como Danielle Vivian, foi alvejada nas costas. Testemunhas falam em pelo menos 15 disparos. O jornal 'O DIA' teve acesso a imagens que mostram o momento em que a médica foi baleada.  Ela estava parada no sinal da Rua Morais e Silva, arrancou com o carro, um Honda Civic. Esse seria o momento em que ela teria sido atingida. Na Rua General Canabarro, em frente ao Cefet,  ela perdeu o controle do carro bateu em um hidrante e arrancou uma árvore. 

Os feridos são um segurança do CEFET, um aluno da Faetec - que foram socorridos numa ambulância dos bombeiros - e uma funcionária da Petrobras, que foi atendida no local e não teve ferimentos graves. Eles foram levados para o Hospital Souza Aguiar, no Centro do Rio. Ainda não há informações sobre o estado de saúde dos feridos.

A médica morreu momentos depois de ter sido baleada.

Obrigada pela audiência. Aqui você fica bem informado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.