Celular de Najila sumiu depois do 1º depoimento sobre caso Neymar, diz advogado.

Acompanhada de seu novo advogado, a modelo Najila Trindade, prestou novo depoimento nesta terça-feira. Ela acusa o jogador Neymar de estupro e agressão. O caso está sob responsabilidade da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher,  na Zona Sul de São Paulo. 

Ontem, a Justiça determinou que Najila entregasse o celular dela para a polícia. Porém isso ainda não ocorreu porque a modelo alega que não tem mais o aparelho. O atual advogado dela, Dr. Cosme Araújo, disse que o celular, ficou no carro do ex-advogado ou na casa onde ela esteve depois no dia que ela esteve na delegacia”. Na ocasião, Najila saiu para prestar depoimento e quando saiu da delegacia foi levada para um hospital, segundo o advogado dela, quando voltou não teve mais acesso ao celular.

O celular teria gravações do encontro dela com Neymar, com 7 minutos de duração. Um trecho dessas imagens foram divulgadas no começo do mês e mostra Najila dando tapas no jogador em um quarto de hotel. Ela fala em agressão, mas não menciona estupro e ainda não se sabe se há menção a estupro na parte do vídeo que ainda não é conhecida. O vídeo foi gravado no dia 16 de maio, um dia depois do suposto estupro, segundo fontes da polícia.

Ouça a reportagem completa:

Sobre a modelo ter agredido o jogador, a defesa da modelo disse que ela bateu em Neymar em resposta à agressão e estupro que teria sofrido no dia anterior no encontro em hotel de Paris. 

Cosme Araújo é o terceiro advogado da modelo. Ele agora vai ter acesso aos autos e todas as informações do inquérito. Esta é a segunda vez que Najila depõe sobre o caso Neymar. Na primeira vez, no dia 7, a modelo disse que o vídeo estaria num tablet dentro de seu apartamento que, segundo ela, foi arrombado.

Najila deixou a delegacia por volta das 15h45. Na semana passada, Neymar prestou depoimento e negou ter feito sexo sem o consentimento da modelo. Com informações do G1.

Comentários

Postagens mais visitadas