Polícia tem vídeo de Neymar e mulher em hotel; Bolsonaro queria ampliar para 60 pontos limite para suspender CNH.

Bom dia, ouvinte. Hoje é quinta-feira, dia 06 de junho.
Neste vídeo, você confere duas notícias que ganharam destaque na imprensa.
Vamos juntos! Aqui você fica bem informado.

A gente começa esta edição falando sobre o caso envolvendo o jogador Neymar, que está sendo acusado de estupro. Ontem à noite, houve uma movimentação na delegacia que investiga o caso. Isso porque foi divulgada uma imagem mostrando Neymar e a mulher em quarto de hotel. Essa imagem, faria parte do vídeo que a denunciante teria gravado, no segundo encontro com o jogador em Paris.
O pai de Neymar viu a imagem e disse que ela prova que o filho estava sendo agredido pela denunciante. A advogada do jogador disse que ainda não teve acesso ao vídeo, mas que a defesa está certa de que provará a inocência dele.
No começo da semana, a polícia tentou ouvir a jovem, mas desde terça-feira (04/06) não consegue contato. O exame de corpo de delito feito na jovem no dia em que o caso foi registrado já ficou pronto. E a única lesão detectada foi em um dos dedos das mãos da jovem. Mas a polícia não descarta que ela tenha sofrido alguma violência sexual. 

Neymar está cortado da seleção brasileira para a disputa da Copa América de 2019. A CBF informou que o atacante deixou o grupo por causa de uma entorse no tornozelo direito durante amistoso contra o Catar.

Bolsonaro queria aumentar de 20 para 60 pontos o limite para suspensão da CNH.

E o presidente Jair Bolsonaro disse ontem que se dependesse apenas de uma decisão, ele teria elevado de 20 para 60 pontos o limite para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). 
Bolsonaro  fez questão de entregar pessoalmente à Câmara dos Deputados um projeto de lei que muda o Código de Trânsito Brasileiro. A proposta amplia de 20 para 40 pontos o limite para suspensão da CNH e elimina exames toxicológicos para motoristas profissionais. 

Segundo especialistas, a ampliação do limite de pontos traz risco de elevar o número de acidentes e mortes no trânsito. 

Obrigado pela audiência.

Comentários

Postagens mais visitadas