Viagem em 1ª classe do deputado Misael custa quase R$ 44 mil à Câmara.

Câmara reembolsa custo de R$ 43.968,90 mil ao deputado Misael, após viagem em primeira classe e choca o país.

O deputado mineiro do PSD, Misael Varella, realizou uma viagem para Macau, China, em primeira classe, o que gerou um custo de R$ 43.968,90 à Câmara dos Deputados. Até o momento, essa é a viagem mais cara realizada por deputados federais, que só no primeiro semestre de 2019 usaram R$ 19,4 milhões em viagens aéreas, conforme postado pelo UOL.

Misael compareceu a um evento que aconteceu nos dias 12 a 18 de maio, no qual foi convidado, já que é o 3º vice-presidente da Comissão de Seguridade Social e Família. 
Deputado justifica gasto em viagem

Embora tenha recebido uma carta em que não seria possível arcar com o custo do deputado a esse evento, devido a proximidade da data, Misael já havia enviado as passagens em 16 de abril, ainda que o convite só foi assinado no mês de maio.

Ou seja, o convite e a autorização foram enviados apenas às vésperas do evento, mas as passagens foram emitidas no mês anterior. O deputado informou que, por receber o convite e autorização em cima da hora, não foi possível realizar um planejamento de viagem com antecedência. 

Ele ainda afirma, por meio de nota, que a sua ida a Macau tinha como principal objetivo continuar o trabalho, realizado na área da saúde, por seu pai. Foram nove dias de viagem entre Dubai e Macau, em que Misael ficou hospedado em Dubai nos dias 20 a 12 de maio.

Deputado poderia ter viajado em classe econômica

Misael esteve presente no congresso com a finalidade de debater soluções a respeito do descompasso na tabela SUS, bem como sobre a crise da saúde em Minas.

De acordo com uma comparação realizada pelo site UOL, adquirir uma passagem antecipadamente, cotando o mesmo percurso e dias de viagem, mas em classe econômica no mês de setembro, o valor seria de R$ 5.714 pela mesma companhia aérea que cobrou quase R$ 44 mil para que o deputado viajasse em primeira classe.

Porém, a assessoria do deputado alega que optar pela primeira classe foi por questão de saúde. Em nota, a justificativa é de que Misael sofre com apneia do sono e já se submeteu a uma cirurgia no joelho. Ao viajar em primeira classe, o deputado teria menores transtornos, além de não atrapalhar os demais passageiros.

Emirates Airlines foi classificada como sendo melhor primeira classe do mundo

Em  2019 a Emirates Airlines foi classificada como sendo melhor primeira classe do mundo, pelo Trip Advisor. A companhia dispõe de uma cabine privativa, com assento de couro que vira cama reclinável, iluminação ambiente, cinema particular, lençóis e travesseiros.

Além disso, conta com cozinha gourmet, com opções de canapés e caviar, bem como tambem um banheiro exclusivo equipado com chuveiro. Portanto, foi a escolha de viagem para o deputado, já que oferecia uma viagem confortável que, de acordo com a assessoria, ele precisava.

É fato que o reembolso de mais de R$ 43 mil se deu apenas à passagem aérea, já que não consta o gasto total da viagem, como hospedagem, alimentação, seguro de viagem, locomoção e outros.

Misael informa que reembolso faz parte da cota parlamentar

De acordo com Misael, reembolso faz parte da cota parlamentar, conforme regras, já que a mesma custeia as despesas do exercício de mandato. Ele ainda afirma que basta enviar os recibos de passagem, que é exigido pela Mesa Diretora da Câmara dos Deputados.

Ao viajar em missão oficial, os deputados podem também receber diárias, sendo que, para fora da América Latina, a verba pode variar entre US$ 428 por dia.

Fontes: UOL e IstoE. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PF deflagra 59ª fase da Operação Lava Jato.

Toffoli determina votação secreta na eleição do Senado.